AUTOESTIMA: 7 PASSOS PARA CONSTRUIR UMA IMAGEM POSITIVA DE MIM MESMA

ciúmes, medo de inovar, sentimento de inferioridade. Tudo isso pode ser sinal de que sua autoestima está lá embaixo, e para detonar esses padrões nocivos você precisa conhecer esses 7 passos para construir uma imagem mais positiva de si mesma.

um comentário

capa 0905

Amores vem e vão, mas há algo que parece persistir igual chiclete grudado no asfalto do cotidiano de muitas mulheres, a tal da baixa autoestima. Trabalho há anos com o público feminino e são raríssimas as mulheres que se elogiam, que se sentem satisfeitas com seu corpo e que reconhecem, de modo mais profundo seu real valor,  e quando isso acontece, parece afrontar a turba do recalque.

Será que ficou bom? Não sei se meu marido vai gostar. Preciso voltar à academia (urgentemente). Esse cabelo está  horrível.

E por aí vai…

Diante deste cenário nada confortável, vivemos – aqui me incluo, pois também sou mulher e passo por todos estes “dramas” – como que cercadas por uma redoma de cristal prestes a ser estilhaçada a qualquer momento, ou ao primeiro sinal de desaprovação.

Se somos tão fortes, mães, empresárias, atletas, seres humanos polivalentes, qual é o problema conosco no que diz respeito a imagem que fazemos de nós mesmas?

Será que a mídia nos achatou tanto a meros corpos que ficamos, por assim dizer, reduzidas a uma barriga sarada ou a um diploma acadêmico?

Por que temos tanta dificuldade em construir uma imagem positiva a nosso respeito?

Digo construir partindo do princípio de que nada é pronto quando o assunto é “como eu me vejo” a imagem que fazemos de nós mesmas é fruto de uma construção e por isso te pergunto:

Quem está construindo sua imagem?

AUTOESTIMA NÃO É VAIDADE

Antes que você pense que é uma mulher com a autoestima lá em cima porque faz as unhas toda semana, pera lá, não é bem por aí. Vulgarmente este assunto tão corriqueiro é visto dessa forma, porém, o tema do texto diz respeito à imagem que você faz de si mesma .  Exatamente, autoestima não é o quanto você “se cuida”, mas qual o real valor que você atribui a si?.

Pessoas que se reconhecem capazes de realizar o que desejam, que se sentem seguras em relação aos outros e que estão tranquilas com sua aparência física tem sim uma boa autoestima, pois mediante os desafios da vida conseguem olhar para si e fazer uma imagem positiva de si mesmas.

Quando se questionar acerca de sua autoestima pergunte-se:

qual a imagem faço de mim mesma?

Isto é, de que modo você se vê em relação ao mundo?

A forma mais fácil de responder essa pergunta é se lembrar de como você lida com desafios e novas oportunidades.

Diante de  novas possibilidades, você costuma se sentir motivada ou é rapidamente tomada por uma sensação de incapacidade?

Quando chega a uma festa, sente-se no topo de seu poder ou leva os ombros à frente discretamente e procura ao redor, olhando furtivamente as mulheres do recinto, a fim de comparar-se?

Responder a essas questões farão com que você possa ver com sinceridade como anda sua autoestima.  Se constatar que ela não vai tão bem assim, comece a perceber como esse mal estar em relação a si mesma contamina várias áreas da sua vida, sobretudo essas três: profissional, financeiro e afetivo.

Se partirmos do princípio de que só realizamos aquilo que acreditamos sermos capazes, a imagem que você faz de si mesma é determinante na realização dos seus projetos. Por exemplo, uma mulher que não se acha capaz de ser uma profissional de sucesso, pode acabar nem se dando o direito de prestar um vestibular por não se sentir apta. Guarde essa frase:

a imagem que você faz de si mesma (sua autoestima), determinará seu futuro.

COMO ME VEJO X COMO AS PESSOAS ME VEEM

Confesso que vivi durante muito tempo com o seguinte impasse: as pessoas com quem eu trabalhava, minha família e amigos me supervalorizavam por conta dos negócios e de todas as atribuições que eu “dava conta”, mas internamente me sentia muito aquém do que julgava ideal e isso me deixava confusa.

Primeira regra: não meça sua autoestima pelo que os outros falam a seu respeito.

O próprio nome já diz: auto (diferente de alto), elemento de composição textual que diz respeito a si próprio, ou seja, estamos falando aqui da estima, portanto, do valor que você é capaz de atribuir a si mesma.

A famigerada opinião alheia, só serve aqui como baliza norteadora secundária, depois que você for capaz de ter clareza de como se enxerga, o que os outros pensam sobre quem você é pode servir como um sutil parâmetro de referência, no mais, não espere e, principalmente, não delegue a terceiros a tarefa de levantar sua autoestima.

OS 7 PASSOS PARA CONSTRUIR UMA IMAGEM POSITIVA DE SE MESMA

  1. RECONHEÇA SEU ESTADO ATUAL

Imagine como seria chegar a um destino desejado se você tampouco sabe onde está, por isso não pule a parte mais importante: reconhecer seu momento atual.

Faça as perguntas mencionas no texto acima e a princial delas:

Como eu me vejo?

  1. ESTEJA CONSCIENTE DE SEUS PENSAMENTOS

Essa parte é tão importante, quanto ignorada: aprenda a prestar atenção ao que você pensa.

Enquanto você não se der conta do que produz na sua mente, será impossível descobrir como você se enxerga e como lida com as situações que te cercam, portanto, comece a reparar nos seus pensamentos.

  1. FAÇA O QUE GOSTA

adult-book-brunette-1031588

Seria impossível para qualquer pessoa que tem uma boa autoestima não fazer o que gosta. Quem se valoriza sabe o quão importante é fazer atividades que geram satisfação.

Ainda que você não trabalhe com o que gostaria, não deixe de fazer atividades de seu interesse: ler, correr, pintar, caminhar.

  1. SE COLOQUE EM PRIMEIRO LUGAR

Nada de fazer tudo para todo mundo e se colocar em último plano. Essa é uma tendência muito comum no universo feminino em que estamos sempre com tantas tarefas que envolvem vida profissional e pessoal e acabamos por deixar para “quando der” aquilo que gostamos de fazer.

Se esse é seu caso, reveja esse comportamento e comece a se dar o devido valor começando por incluir na sua agenda algo de que realmente goste de fazer.

  1. EXERCITE-SE

pexels-photo-374632

Fazer algum exercício físico é primordial para te manter com o corpo e a mente saudáveis. Uma boa autoestima também pode depender de fatores hormonais, portanto dê uma ajudinha para a produção de serotonina e procure uma atividade que goste.

  1. FAÇA ALGO POR VOCÊ

Essa é uma das regras principais: faça algo em seu benefício. Um curso, uma viagem, mude o visual, coma em um restaurante que goste e faça disso uma lei.

  1. ABRA MÃO DA NECESSIDADE DE APROVAÇÃO

pexels-photo-573301

A necessidade de agradar a todos o tempo todo é nociva e a longo prazo pode fazer de você alguém extremamente insatisfeito. Empenhe-se em agradar a você mesma.


Marcela Marçal, 46, é uma das proprietárias da marca Sétima Essência – Básico, moda feminina que revolucionou o uso da malha. Uma apaixonada pelo universo feminino.

facebook Curta a fanpage da Sétima Essência no Facebook.

instagram Siga a Sétima Essência no Instagram.

lovegiftVisite nossa loja virtual.

1 comentário em “AUTOESTIMA: 7 PASSOS PARA CONSTRUIR UMA IMAGEM POSITIVA DE MIM MESMA”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s